rcoutog

Cinco estratégias para motivar seus funcionários.

In Estratégias de pessoas on Novembro 10, 2010 at 2:18 pm

P: Steve, sou administrador de rede de uma pequena empresa de transporte por caminhões. O problema que enfrento é que muitas pessoas da equipe da empresa contentam-se em fazer o trabalho e ir embora. Nossa empresa está crescendo e a equipe não parece disposta a tentar novas ideias. O que posso fazer?
Benjamin, Nebraska.

R: Embora John Gray afirme que “os homens são de Marte e as mulheres são de Vênus”, eu acho que ele está errado. Eu digo que empregadores são de Marte e funcionários são de Vênus. Somos espécies diferentes. As diferenças entre os dois aparecem com mais nitidez quando se trata de motivação. Na verdade, as coisas que motivam proprietários e gerentes são diferentes das que motivam funcionários e equipes. Pense nisto:

Portanto, isso significa que é impossível motivar funcionários e conseguir que eles tomem a iniciativa? De jeito nenhum.
É claro que o dinheiro sempre motiva as pessoas. Mas nem preciso dizer isso para os leitores que frequentam o Centro de pequenas empresas da Microsoft. Vocês já sabem disso. Em vez disso, quero focar outras motivações. A chave é entender a mente dos funcionários e usá-la a seu favor. Portanto, a primeira coisa a fazer é perceber que a solução não será a mesma para todos. Funcionários diferentes têm personalidades, habilidades, objetivos e necessidades diferentes. O seu trabalho e descobrir o que funciona para cada um e explorar isso. Sim, isso vai consumir tempo e não é necessariamente fácil, mas funciona.

Aqui estão as minhas cinco melhores maneiras (sem dinheiro) de motivar funcionários:

1. Ofereça treinamentos

Uma coisa que os funcionários querem, especialmente os mais novos, é a capacidade de melhorar ou acrescentar habilidades. Oferecer treinamento como bônus por um trabalho bem feito é bom para os dois lados.

– Deixa os funcionários felizes porque eles melhoram o seu currículo.
– Você também fica feliz porque eles podem oferecer mais habilidades para a sua empresa.

O tipo de treinamento que você pode oferecer depende do tipo de empresa que você tem, mas treinamentos em computação e softwares ou cursos de tecnologia estão entre os mais desejados pelos jovens funcionários atualmente. Funcionários mais velhos gostam de aulas de tecnologia também, juntamente com cursos de planejamento financeiro.

Você pode oferecer treinamentos internos ou enviar seus funcionários para centros de cursos externos. Ou você pode oferecer treinamentos por vídeo ou pela internet. O que importa é que você vincule o treinamento ao desempenho em algum trabalho. Acredito de verdade que é mais fácil conseguir resultados com gentileza e motivação do que com agressividade e castigos.

2. Peixe

Toda empresa tem uma cultura. Algumas, por planejamento, a maioria, naturalmente. Geralmente, a cultura baseia-se na personalidade e nos valores do dono e dos administradores. Qual é a sua cultura? Se não for inspirar a motivação – ou se não for agradável e composta por trabalho duro, diversão e pessoas dedicadas – você tem trabalho a fazer.

Três autores – Stephen C. Lundin, Harry Paul e John Christensen – escreveram um excelente livro chamado “Peixe!”, que explica como transformar um local de trabalho desanimador (e a cultura empresarial por trás dele) em uma casa de força produtiva e divertida. Como eles escreveram, “as pessoas querem muito levar sua personalidade apaixonada e autêntica para o trabalho. Infelizmente, os seus trabalhos não deixam”. O livro explica que, concedendo mais liberdade às pessoas para expressarem sua alegria e seus talentos no trabalho, elas ficarão mais motivadas e a cultura da empresa poderá ser transformada.

3. Reconhecimento

O reconhecimento positivo é um dos mais poderosos fatores de motivação no trabalho. A valorização sincera de um trabalho bem feito vai longe. Recompensas criativas, como vale-presentes, uma tarde de folga, uma vaga especial no estacionamento, uma massagem, uma partida de golfe, um novo título ou uma menção no informativo da empresa são apenas algumas formas de recompensar os funcionários.

4. Políticas criativas

Diversas políticas criativas podem ser usadas para guiar as pessoas na direção certa: Horário flexível, trabalho em casa ou divisão de tarefas, por exemplo.

5. Ouça e aja

Muitos funcionários acham que seus conhecimentos não são ouvidos nem valorizados. Uma cultura que incentiva respostas aos comentários e ao desempenho dos funcionários faz com que as pessoas se sintam queridas e compreendidas. Porém, ouvir não é o bastante. Você também precisa tomar atitudes com as sugestões dadas se quiser que seus funcionários se sintam mais motivados. Benefício colateral: sua empresa vai melhorar.

A questão é que, colocando o dinheiro de lado, um pouco de criatividade pode ajudar bastante a motivar os funcionários.

Steve Strauss é especialista em pequenas empresas, colunista do USA Today e autor do livro Small Business Bible

http://pensandogrande.com.br/cinco-estrategias-para-motivar-seus-funcionarios/

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: